News
Reciclagem de madeira: como funciona e formas de reciclagem
14/03/2022

Reciclagem de madeira: como funciona e formas de reciclagem


Os resíduos da madeira são recursos preciosos e abundantemente disponíveis.
Esses, podem ser aproveitados para a reciclagem e para a produção de energia.

As indústrias que produzem nos seus processos produtivos resíduos de madeira, não sabem como valorizá-los e assim contribuir para o modelo de economia circular. É aqui, que pode aparecer a reciclagem da madeira, como um método capaz de solucionar este problema.

Fique então a conhecer o seu significado, os benefícios e ainda os materiais que podem vir a ser transformados.

Reciclagem de madeira: em quê que consiste?
A reciclagem de madeira consiste num processo de transformação das sobras de madeira, em produtos que podem ser utilizados.

Esta prática, surgiu entre as décadas de 80 e 90, aquando o aumento das questões relacionadas coma desflorestação e as alterações climáticas, o que levou os fornecedores e consumidores a optarem pelas opções mais sustentáveis.

As madeiras usadas para o setor mobiliário e construção civil, deixam de ser naturais, pois precisam de produtos conservantes e protetores, para assegurar a respetiva resistência e durabilidade nos produtos e objetos a aplicar.

Portanto, quando os resíduos de madeira são abandonados em locais indevidos, já são constituídos por esses componentes químicos, o que pode levar há contaminação de solos e lençóis freáticos e ainda prejudicarem a fauna.

Em qualquer caso, o processo da reciclagem de madeira depende do tipo de madeira e das tecnologias que são utilizadas nos centros de reciclagem.

Processo de reciclagem de madeira: Como funciona?

O processo da reciclagem de madeira é simples e semelhante ao de outros materiais recicláveis.

Em primeiro lugar, a madeira passa pela fase de separação e triagem, onde são removidas as impurezas que possam estar presentes nos resíduos, como os pregos e parafusos.

Depois, a madeira é triturada. Aí, é transformada em pequenas lascas, apelidada de serragem. Essa, pode ser usada para diversos fins.

Formas de reciclagem de madeira

A madeira quando está corretamente limpa e foi devidamente separada, pode ser reciclada e transformada num novo produto.

O mais comum, é a madeira ser transformada para:
• Construções;
• Mobiliário;
• Decorações;
• Lenha;
• Paletes;
• Combustível;
• Compostagem;
• Papel;
• Carvão vegetal;
• Energia (biomassa).

Quais são as vantagens da gestão de resíduos de madeira?

A reciclagem de madeira representa uma solução para:

• Combater a desflorestação, um problema global que precisa de ser travado todos os dias;
• Favorecer a utilização de fontes de energias renováveis;
• Economizar os custos;
• Preservar o meio-ambiente e a biodiversidade.

O que fazer quando não se pode reciclar?

Nas situações em que não é possível aproveitar os resíduos da madeira, através do método da reciclagem, os mesmos devem voltar para as indústrias, para que estas possam aproveitá-los e inseri-los, por exemplo no mercado da decoração mobiliária, ou até do entretenimento, onde a madeira pode ser usada como material de construção para construir os dêcores de novelas e cenários para as peças de teatro.

Mais do que uma prática inovadora e atual, reciclar madeira beneficia as empresas do setor industrial.

Na Recivalongo, temos consciência do potencial dos resíduos de madeira, por isso recebemos diferentes tipos de madeira e aplicamos operações, que permitem por exemplo reciclar paletes e caixas de madeira, que dão origem a novas matérias-primas, essencialmente para o setor mobiliário.

Além disso, recebemos e tratamos os resíduos verdes, como por exemplo os resíduos de jardinagem e de limpezas florestais. Esses, são sujeitos a processos de triagem ou processamento, com vista à introdução em processos de reciclagem.

Efetue a reciclagem dos resíduos de madeira, entre em contacto connosco.

WE TREAT
300 TONS
OF WASTE PER DAY
WE TRANSFORM
40 THOUSAND TONS
OF RDF PER YEAR
LANDFIELD WITH MORE THAN
2 MILLION M³
OF CAPACITY
CENTER WITH
90 THOUSAND M²
OF TOTAL AREA